CABAZ PÉ DE SALSA-OREGÃOS FRESCOS

Para a entrega no dia 12 aqui está o cabaz da semana-Oregãos Frescos. Este cabaz é composto por nós mas se quiser pode escolher o que quiser no minimo de €20. Depois a entrega é na proxima terça feira. Também pode optar por o cabaz Pé de Salsa e alterar apenas os elementos que não quer.

  • Alface
  • Aipo mini rama
  • Beterraba
  • Batata
  • Cenoura
  • Cebola
  • Couve Galega
  • Feijão Verde
  • Nabiça
  • Nabos
  • Pimentos
  • Kiwi
  • Laranja do Algarve
  • Pêra Rocha
  • Rucula
  • Oregãos Frescos

OREGÃOS FRESCOS

O mais normal é conhecermos os oregãos secos, aqueles que as nossas avós e pais guardavam  o ano inteiro num armário da cozinha para escapar da humidade. Mas existe também uma variedade “Oregenum vulgare” para consumir em fresco, e digo já que são uma maravilha. Não consigo pensar numa salada de verão daquelas que levam tomate coração sem oregãos frescos. As massas, as pizzas, e até as carnes ficam com outro requinte. O mais bonito disto tudo é que com uma erva aromática é possivel fazer pratos simples com um sabor top!!!

Os orégãos contêm um óleo essencial (com timol, carvacrol, limoneno), ácidos gordos com propriedades antioxidantes, antibióticas, antivirais e imunoestimulantes e ácido rosmarínico, com forte ação antioxidante.

O carvacrol (uma das substâncias mais importantes em fitoterapia), pelas suas propriedades antitumorais, anticancerígenas, analgésicas, anti-inflamatórias, hepatoprotetoras e antiplaquetárias.

Combate contra bactérias como Escherichia coli e Staphylococcus aureus, salmonelas (Salmonella typhimurium), sendo por isso muito eficaz como antibiótico no tratamento de gastroenterites, infeções urinárias e pneumonias.

Os orégãos regulam a quantidade de glicose no sangue, sendo por isso também um antidiabético.

ALFACE

A alface faz parte de quase todas as refeições, assim como o tomate. Uma salada para acompanhar o prato principal tem quase sempre alface. O Pé de Salsa tem a alface folha de carvalho roxa, que é muito gourmet, dá um toque requintado às refeições, e se juntar a cebola de rama, uma pitada de coentros e umas flores comestiveis pelo meio, o resultado é top.

“Os constituintes, fitoquimicos mais importantes são a latucina, latucerina e a latacina que fazem parte do lactucário que é um sumo obtido a partir da alface e utilizado pela sua ação sedativa. Depois a quercetina com acção antialérgica e anti-inflamatória. Asparagina, diurética e calmante. Clorofila, antioxidante. Vários oligoelementos(iodo, niquel, cobalto, cobre e manganésio). A Alface é uma boa fonte de cálcio.” (Naturopatia, A Natureza Cura a Natureza, Beles 2012)

Trata a ansiedade, stress e insónias, e é uma boa fonte de cálcio para quem não consome laticíneos, por isso é útil na prevenção da osteoporose.

 

RECEITA DA CAROLINA

A nossa querida Carolina, cliente do Pé de Salsa esta semana ofereceu uma receita, quentinha para estes dias frios de Fevereiro. Simples e muito saborosa.
Obrigada Carolina, vem mesmo a calhar!!!
Canjinha bio:
“Cozi um frango caseiro com cebola, tomilho, um pedacinho de chouriça e outro de bacon. Quando cozido, reserva-se e desfia-se. No caldo, cozi cenoura, lombardo e hortaliças. Servi com limão e  hortelã.”

BETERRABA

Para as mulheres grávidas, a beterraba é sempre indicada. Com alto nível de ácido fólico, é capaz de prevenir a má formação do bebê, além de tornar mais forte o sistema imunologico do mesmo.

Muita gente não sabe, mas este alimento apresenta grande potencialidade no tratamento de determinadas doenças: problemas na vesícula, no fígado, pulmão, próstata, pedras nos rins e até mesmo problemas de origens sexuais.

E os tratamentos não param por aí… É muito indicada em tratamento de artrite, no controle da pressão arterial e fortalece os músculos por ter muito potássio e manganês. É um alimento diurético e com alto poder revitalizante.

CEBOLA NOVA DE RAMA

Daqui aproveita-se tudo e o sabor é fenomenal. Dá para as sopas, saladas, refugados, todo o tipo de pratos.
A cebola é rica em minerais como o cálcio, cobre, potássio, combate a insónia e a depressão nervosa. Previne doenças estomacais, infecções e até micoses. Por isso, invista nela diariamente nas suas refeições.
Tarte de bacalhau e rama de cebola
Ingredientes:
Massa
3 chávenas de farinha
180g de margarina culinária
água qb

Recheio
½ embalagem de bacalhau desfiado e demolhado
5 dentes de alho
1 cenoura grande
1 courgette pequena
1 molho de rama de cebola (folhas)
azeite
sal
pimenta e noz-moscada
3 ovos
1 chávena de leite
2 colheres de sopa de farinha Maizena
queijo parmesão ralado

Preparação:
1. Para a massa, envolva a farinha com a margarina e finalmente junte um pouco de água de modo a englobar todos os ingredientes e a massa se poder despegar facilmente das mãos. Deixe repousar.
2. Para o recheio, cozinhe num tacho com um fio de azeite no fundo, a rama de cebola partida às rodelas, a cenoura partida às rodelas finas, a courgette às rodelas, o alho picado e o bacalhau partido em pequenas porções. Tempere com sal, pimenta e noz-moscada.
3. Forre uma forma de tarte com a massa e disponha o preparado anterior no fundo.
4. Bata os ovos com o leite e a farinha e deite sobre o recheio da tarte.
5. Por cima polvilhe com queijo parmesão ralado.
6. Leve ao forno pré-aquecido durante 30 a 40 minutos. Verifique a cozedura com um palito.
Está pronta.

FEIJÃO-CARITO

Também conhecido como feijão-fradinho, esta espécie tem uma proteína chamada vicilina que, associada às fibras do alimento, é capaz de reduzir o colesterol.

Esse tipo de feijão combina com saladas e pode ser usado como ingrediente de feijoadas vegetarianas, por isso, é fácil incluí-lo na alimentação. Durante a semana, varie com outros tipos de leguminosas, que também são ricas em fibras.

MODO DE CONSUMO

Para esta semana deixo uma receita de um amigo agricultor bio, António Rosa, então é assim:

O feijão não precisa de ficar de molho, basta então ferver durante 10 min, depois tirar a água, voltar a colocar mais água e cozer durante 30 min. Convém ter caldinho para depois juntar pão duro ao feijão, picar uma cebola, alho e salsa e juntar. Regar com azeite e vinagre, juntar 1 ovo cozido e uma latinha de atum.
Os vegetarianos não colocam a lata de atum, mas é delicioso na mesma:0)